Anticoncepcionais orais de progestogênio


As pílulas só de progestagênios, também conhecidas como “minipílulas”, consistem na administração oral de comprimidos que contêm doses baixas de um progestagênio.


Por não conterem o componente de estrogênio, estas pílulas são indicadas preferencialmente, em situações em que há contraindicação absoluta ou relativa para o uso de estrogênios, presença de efeitos adversos com o uso do estrogênio ou durante a amamentação, pois não interfere na produção do leite.